Um teste de vacina contra o coronavírus em humanos já começou. Quando uma tomada COVID-19 poderia estar disponível?
Cotidiano

Mulher se torna primeira pessoa a não ter o vírus Corona para testar vacina

Jennifer Haller foi a primeira pessoa a ser injetada com uma candidata a vacina COVID - Mulher se torna primeira pessoa a não ter o vírus Corona para testar vacina
FOTO: Jennifer Haller foi a primeira pessoa a ser injetada com uma candidata a vacina COVID-19. (AP: Ted S Warren)
Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais

Uma matéria de Nick Sas da equipe de relatórios especializados para o site ABC Austrália. Fez a seguinte matéria:

Um teste de vacina contra o coronavírus em humanos já começou. Quando uma tomada COVID-19 poderia estar disponível?

Pontos chave recolhidos por ele:

  • Em todo o mundo, cerca de 35 empresas e instituições acadêmicas estão na corrida para criar uma vacina contra o coronavírus
  • Um deles iniciou testes em humanos e outros três afirmam estar próximos, com líderes da UE prevendo que uma vacina poderia ser produzida dentro de 6 meses.
  • No entanto, especialistas alertam a população para que seja paciente, com funcionários da OMS mantendo a vacina não estará disponível antes “no meio do próximo ano”
  • 4 empresas já estão testando em animais e outros dois estão se preparando para iniciar testes em humanos.

Em um centro de pesquisa na cidade americana de Seattle nesta semana, Jennifer Haller (FOTO), que não possui o vírus, se tornou o primeiro humano a receber uma vacina em potencial.

Haller é uma das 45 voluntárias que recebem duas injeções com 28 dias de intervalo para testar a segurança da vacina. É um dos muitos processos necessários antes que qualquer vacina possa receber luz verde para produção e distribuição em massa.

China a todo o vapor…

Ainda na matéria de Nick Sas para o ABC Australiano, de acordo com relatos do jornal Diário do Povo do Partido Comunista da China pesquisadores da Academia de Ciências Médicas Militares do país receberam aprovação para lançar ensaios clínicos em estágio inicial para uma potencial vacina esta semana. Um banco de dados de ensaios clínicos controlado pelo governo chinês afirma que um teste de “fase um” determinará se o tiro experimental é seguro em humanos.

O objetivo é recrutar 108 pessoas saudáveis ​​para participar do julgamento, que ocorrerá entre 16 de março e 31 de dezembro. A presidente da Comissão Européia, Ursula von der Leyen, surpreendeu o mundo, sugerindo que o processo regulatório das vacinas poderia ser acelerado e que uma injeção de coronavírus estaria no mercado dentro de seis meses.

Segundo a matéria de Nic Sas. Isso está em desacordo com especialistas da Organização Mundial da Saúde (OMS), que não espera que uma vacina totalmente testada e aprovada esteja pronta para chegar ao mercado antes de meados de 2021.

Por  Nick Sas da equipe de relatórios especializados para o site ABC Austrália, traduzido por Mídia Interessante

LEIA TAMBÉM  Fotógrafa visita as mesmas famílias americanas 20 anos depois

LEIA TAMBÉM  Após Pandemia cresce o número de visualizações da música "O dia em que a Terra parou" de Raul Seixas