Saiba o calendário de previsão de lançamento de foguetes no mundo
Curiosidades Universo

Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundo

lixo epacial - Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundo

logo midia interessante curiosidades novidades - Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundoSe você gosta de astronomia como nós, pode ficar por dentro dos dias de lançamentos de foguetes espaciais no mundo. Hoje em dia, o número de envio de satélites artificiais na órbita do nosso Planeta Terra vem crescendo. Só este ano os Estados Unidos e a China estão lançando cerca de 1 foguete a cada 10 dias ao espaço, seja no ramo privado ou militar. Quando ocorrem falhas no lançamento ou no próprio satélite, partes dos mesmos podem ficar orbitando o planeta por tempo indefinido, formando o lixo espacial. Tecnicamente, esses objetos também são satélites, embora o termo por si só seja usado para se referir ao aparelho que foi colocado em órbita para exercer uma função específica.

Lixo espacial orbita da Terra - Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundo

Quantos satélites artificiais orbitam a Terra?

 

Segundo estimativas da Força Aérea americana, existem um pouco mais de 2.783 satélites funcionando, que rodam sobre nossas cabeças, executando as mais diversas funções. (como será detalhado abaixo*). A “vida” de um satélite em órbita dura aproximadamente 15 anos.

como funciona satelite em orbita da terra - Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundo

Dependendo da função do satélite ele pode ficar em 4 leveis (altitudes): a órbita baixa (LOW – Low Earth Orbit), a órbita média (MEO – Medium Earth Orbit), a órbita alta (HEO – High Eath Orbit) e a mais famosa e importante, salvadora das tecnologias atuais a órbita GEO, que fica há 35.786 km de altitude. E acima da GEO? Acima da GEO está um linha que se define com o cemitério dos satélites. Um pouco antes de perder se uso, os satélites são redirecionados para subirem um pouco mais e formarem um linha de objetos inúteis.

como funciona a orbita de um satelite - Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundo

Infelizmente o número de satélites inativos é gigantesco, cerca de 20 mil estão na zona de “cemitério” do espaço, inatividade total. Há um relatório da NASA de 2008, no qual informa que existem cerca de 17 mil detritos espaciais medindo acima de 10 cm, e mais de 200 mil entre 1 e 10 cm e milhões de fragmentos com menos de 1 cm.

Vídeos sobre lixo espacial:

lixo escpcaial basura espacial - Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundo

Quais os tipos de satélite artificiais que existem?

*O motivo dos lançamentos são inúmeros. Segundo o INPE  (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) o termo “satélite” que vamos conhecer agora é um sistema formado por módulos, que fica na órbita da Terra ou de qualquer outro planeta, mantendo velocidade e altitude constantes. Por ser construído pelo homem, é chamado de “artificial”, para se diferenciar dos satélites naturais, como a Lua, por exemplo. Existem vários tipos de satélites artificiais, com diversas finalidades.

como funciona satelite - Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundo

Veja alguns deles:

• Comunicação
É o tipo de satélite mais conhecido. Distribui sinais de telefonia, Internet e televisão. A maioria usa a órbita geoestacionária (equatorial), ou seja, acompanha o movimento de rotação da terra, a 36.000 km de altitude, apontando sempre para o mesmo lugar.

• Navegação
Uma constelação de 24 satélites ao redor da Terra, a cerca de 20.000 km de altitude, forma o GPS, sigla em inglês para Sistema de Posicionamento Global. Esse sistema é controlado pelos Estados Unidos, mas pode ser utilizado por todos aqueles que têm um aparelho receptor, detectando sua posição na Terra. O Glonass é o sistema de navegação russo, e o Galileu, da União Europeia.

Meteorológico
Usado para monitorar o tempo e o clima da Terra. Formações de nuvens, luzes das cidades, queimadas, efeitos de poluição, aurora, tempestades de raios e poeira, superfícies cobertas por neve e gelo e os limites das correntes oceânicas são algumas informações ambientais coletadas por meio dos satélites meteorológicos. Os SCDs e o próprio CBERS integram o Sistema Brasileiro de Coleta de Dados Ambientais.

• Militar
Um satélite militar equipado com câmeras que funcionam no infravermelho (o que possibilita a identificação de alvos no escuro ou camuflados) consegue fotografar territórios com grande precisão. 

• Exploração do Universo
É o satélite que carrega telescópios para observar o céu. O mais conhecido telescópio acoplado a um satélite é o Hubble, que desde 1990 produz imagens astronômicas incríveis e únicas. O satélite Lattes, que está sendo desenvolvido no INPE, terá como missão ajudar as pesquisas na área de Clima Espacial e Astronomia.

• Observação da Terra
Tem como missão monitorar o território e, para isso, carrega câmeras que registram imagens com diferentes resoluções espaciais. O CBERS, desenvolvido por Brasil e China, é um satélite de observação da Terra e trabalha a 780 km de altitude, em órbita polar, ou seja, no sentido norte-sul. Além do CBERS, o INPE trabalha no desenvolvimento de dois outros satélites desse tipo: o Amazônia e o MAPSAR. Este último será equipado com um radar que permitirá registrar imagens do território à noite ou mesmo quando ele estiver coberto por nuvens. O Google Earth, que você consulta na Internet, utiliza imagens de altíssima resolução, como as do satélite americano IKONOS, para gerar seus mapas.

Clique no link para acessar o site Stuff in Space:como funciona satelite - Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundo

China astuta na tecnologia espacial:

foguete chines - Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundo

A cada 10 dias mais ou menos a China lança um foguete ao espaço.

Previsão de lançamento

CRONOGRAMA DE LANÇAMENTOS DE FOGUETES

A indústria dos foguetes

O segmento da indústria de lançamento que, além de colocar os satélites em órbita, envolve a produção dos próprios veículos e suas peças. O crescimento das comunicações via satélite é evidenciado ainda pelo número de lançamentos. Em 2011, dos noventa lançamentos realizados, 31 foram destinados a colocar satélites de comunicação comercial em órbita, um aumento relevante em relação aos 21 lançados em 2006. Os lucros da indústria de lançamento atingiram 4,8 bilhões de dólares em 2011, sendo que a maioria dos clientes que procuram as indústrias de lançamentos de satélites são governos de diversos países. A maioria dos satélites lançados são colocados na órbita geossícrona e na órbita terrestre baixa.

indsutria dos foguetes - Saiba o calendário de previsões de lançamentos de foguetes no mundo

Dos trinta lançamentos comerciais em 2011, quatorze foram da Europa, oito da Rússia, três dos Estados Unidos e da China e dois de empresas multinacionais. E por fim o quarto segmento é o dos equipamentos de controle em terra, com diversos terminais de controle, antenas entre outros equipamentos.

Fonte de informações e pesquisa: Café e Ciência, Wikipédia, NASA, Stuffin Space, Space Flight Now ,Sua Pesquisa.com

LEIA TAMBÉM  O mistério da lâmpada que está ligada a mais de 1 Século

Quer saber mais sobre Astronomia? Veja outras publicações do Mídia Interessante

https://midiainteressante.com/universo

“First Man” História de Neil Armstrong contada em filme de forma surpreendente

NASA quer levar homem a pisar na Lua novamente até 2029

Na Austália Elon Musk apresenta suas ideias futurísticas – IAC 2017

Turismo espacial – Você trocaria seu voo de avião para decolar em um foguete?

Quando o Mundo pulou 10 dias no futuro – Os dias que realmente nunca existiram!

LEIA TAMBÉM  Fotos sensacionais tiradas em parque de diversões utilizando longa exposição
LEIA TAMBÉM  O mundo acima das nuvens

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.