Água liquida em Marte: Água em estado liquido é detectada em Marte
Universo

Água em estado liquido é detectada na sub-superfície de Marte

agua liquida em marte
Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais
Água liquida em Marte – Uma descoberta incrível para a astronomia. No dia de 25 de julho de 2018 a ESA Agência Espacial Europeia anuncia descoberta de água liquida em Marte. Os dados de radar recolhidos pela Mars Express da ESA apontam para uma lagoa de água líquida enterrada sob camadas de gelo e poeira na região polar sul de Marte.

Água liquida em Marte

agua liquida em marte

MARS EXPRESS DETECTA ÁGUA LIQUIDA EM MARTE

Fonte: Agência Espacial Europeia traduzido por Mídia Interessante.com
A evidência do passado aquático do Planeta Vermelho é predominante em toda a sua superfície, na forma de vastas redes de vales fluviais desidratadas e gigantescos canais de saída claramente fotografados por espaçonaves em órbita. Orbiters, juntamente com landers e exploradores explorando a superfície marciana, também descobriram minerais que só podem formar na presença de água líquida. Mars Express com seus dois “booms” de radar de 20 m de comprimento

Mas o clima mudou significativamente ao longo dos 4,6 bilhões de anos de história do planeta e a água líquida não pode existir na superfície hoje, então os cientistas estão olhando para o subsolo. Os primeiros resultados da sonda Mars Express, de 15 anos de idade, já descobriram que o gelo de água existe nos pólos do planeta e também está enterrado em camadas intercaladas com poeira.

A presença de água líquida na base das calotas polares é suspeita há muito tempo; afinal de contas, a partir de estudos na Terra, é bem conhecido que o ponto de fusão da água diminui sob a pressão de uma geleira sobrejacente. Além disso, a presença de sais em Marte poderia reduzir ainda mais o ponto de fusão da água e manter a água líquida mesmo em temperaturas abaixo de zero.

Mas, até agora, evidências do radar avançado de Marte para instrumento de subsuperfície e sonoridade ionizante, MARSIS, o primeiro sonar de radar a orbitar outro planeta, permaneceram inconclusivas.

Foi necessária a persistência de cientistas que trabalham com esse instrumento de sondagem de subsuperfície para desenvolver novas técnicas a fim de coletar o máximo de dados de alta resolução possível para confirmar sua interessante conclusão.

Detecting buried water with radar medium - Água em estado liquido é detectada na sub-superfície de Marte

Detecção de água enterrada com radar

O radar de penetração no solo usa o método de envio de pulsos de radar para a superfície e determina quanto tempo leva para que eles sejam refletidos de volta para a espaçonave e com que intensidade. As propriedades do material entre elas influenciam o sinal retornado, que pode ser usado para mapear a topografia subsuperficial.

A investigação do radar mostra que a região polar sul de Marte é feita de várias camadas de gelo e poeira até uma profundidade de cerca de 1,5 km na área de 200 km de largura analisada neste estudo. Um reflexo do radar particularmente brilhante por baixo dos depósitos em camadas é identificado dentro de uma zona de 20 km de largura.

Analisando as propriedades dos sinais de radar refletidos e considerando a composição dos depósitos em camadas e o perfil de temperatura esperado abaixo da superfície, os cientistas interpretam a característica brilhante como uma interface entre o gelo e um corpo estável de água líquida, que pode ser carregado com salgado sedimentos saturados. Para que o MARSIS fosse capaz de detectar tal mancha de água, precisaria ter pelo menos várias dezenas de centímetros de espessura.

 “Esta anomalia de subsuperfície em Marte tem propriedades de radar que combinam água ou sedimentos ricos em água”, diz Roberto Orosei, principal pesquisador do experimento MARSIS e principal autor do artigo publicado hoje na revista Science .

“Esta é apenas uma pequena área de estudo; É uma perspectiva empolgante pensar que poderia haver mais desses bolsões subterrâneos de água em outros lugares, ainda a serem descobertos. ”

Layered deposits at the south pole of Mars large - Água em estado liquido é detectada na sub-superfície de Marte

ExoMars imagem de depósitos em camadas no pólo sul de Marte

“Nós vimos algumas características interessantes de subsuperfície durante anos, mas não conseguimos reproduzir o resultado de órbita para órbita, porque as taxas de amostragem e resolução de nossos dados eram anteriormente muito baixas”, acrescenta Andrea Cicchetti, gerente de operações da MARSIS e co -autor no novo papel.

“Tivemos que criar um novo modo de operação para contornar algum processamento interno e disparar uma taxa de amostragem mais alta e, assim, melhorar a resolução da área de cobertura do nosso conjunto de dados: agora vemos coisas que simplesmente não eram possíveis antes”.

A descoberta lembra um pouco o Lago Vostok, descoberto cerca de 4 km abaixo do gelo na Antártica na Terra. Sabe-se que algumas formas de vida microbiana prosperam nos ambientes subglaciais da Terra, mas poderiam existir bolsões subterrâneos de água salgada e rica em sedimentos em Marte, que também fornecem um habitat adequado, seja agora ou no passado? Se a vida alguma vez existiu em Marte, permanece uma questão em aberto, e é uma das missões de Marte, incluindo a atual sondaeuropéia e russa ExoMars e a futura sonda , que continuará a ser explorada.

 “A longa duração da Mars Express e o esforço exaustivo feito pela equipe de radar para superar muitos desafios analíticos permitiram esse resultado tão esperado, demonstrando que a missão e sua carga ainda têm um grande potencial científico”, diz Dmitri Titov, diretor da ESA. Cientista do projeto Mars Express.

“Esta descoberta emocionante é um destaque para a ciência planetária e contribuirá para a nossa compreensão da evolução de Marte, a história da água no nosso planeta vizinho e sua habitabilidade.”

A Mars Express foi lançada em 2 de junho de 2003 e comemora 15 anos em órbita em 25 de dezembro deste ano.

 

Veja a notícia no Jornal Nacional (Água liquida em Marte):

 

+Notícias sobre o espaço

Inacreditável! Lua pode ter abrigado vida

 

LEIA TAMBÉM  Fatos Interessantes sobre as cadelinhas no espaço
LEIA TAMBÉM  Qual o lugar mais distante de tudo e de todos?