Cotidiano Curiosidades

Um galo viveu 18 meses sem a cabeça – conheça MIKE

Fotos, Curiosidades, Comunicação, Jornalismo, Marketing, Propaganda, Mídia Interessante Frango_Sem_Cabeca_Mike_02 Um galo viveu 18 meses sem a cabeça - conheça MIKE Cotidiano Curiosidades  Um galo viveu 18 meses sem a cabeça - conheça MIKE
Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais

Um galo viveu 18 meses sem a cabeça, conheça MIKE: Você poderia achar que viu de tudo nesta vida, porém nunca imaginou uma ave sem cabeça, não é mesmo? Mas existiu, isto mesmo, por incrível que parece um galináceo ficou mundialmente famoso na década de 50 quando o seu dono, o fazendeiro Llody Olson, queria digamos “saborear mais uma de seus frangos” para comer na janta a pedido de sua mulher, porém com uma má vontade, foi cortar a cabeça do querido Mike simplesmente, ele não morreu, hoo… isto mesmo um corte, que por sinal muito mal feito, fez Mike ficar ali andando como se nada tivesse acontecido. Então mediante as conseqüências, o seu proprietário, fez de Mike um “super star” sendo reconhecido em todos os Estados Unidos e em diversos países, e com bastante carinho tratava Mike dando-lhe água no conta-gotas e ração, por um orifício no pescoço.

Fotos, Curiosidades, Comunicação, Jornalismo, Marketing, Propaganda, Mídia Interessante eed52-animal-sem-cabec3a7a-mike Um galo viveu 18 meses sem a cabeça - conheça MIKE Cotidiano Curiosidades  Um galo viveu 18 meses sem a cabeça - conheça MIKE

O fazendeiro viajou por diveras partes do mundo exibindo o seu “frango de estimação” e levando a cabeça consigo em um vidro de formol, diga-se de passagem que o galo até engordou de 1,5 Kg para 3,5 no período que esteve vivo. Mike virou uma lenda em sua cidade a ate hoje comemoram o dia do Mike, respaldando o espírito de luta, garra e sobrevivência do animal. Tudo bem que, baratas e minhocas vivem sem cabeça, mas um animal é bastante peculiar não acham? Muitas pessoas não acreditam até hoje e outras acham disto um fake, o que as evidências aparentam que não é. O Mídia Interessante entrevistou 3 veterinários, 1 zootecnista e até 1 técnico agropecuário, no qual por unanimidade ninguém sabia a história do velho Mike e não acreditaram muito em sua veracidade, porém muitos estudiosos americanos garantem que é meramente possível, pois o tronco cerebral e a massa encefálica do animal foram poupadas, sendo assim por causa do rosto o animal não morreria. O pequeno Mike morreu quando completou 18 meses de idade, não sei se ele deixou herdeiros ou não, mas sabemos que ele existiu. Para quem não acreditou nesta história Mike tem até um fã clube e um site especialmente voltado a ele acompanhe aqui. E você acredita?

Por Mídia Interessante

 

1 Comentário